VIII Congresso Nacional da Psicologia

O que é?

Compartilhe

As diretrizes de atuação para o Sistema Conselhos de Psicologia são definidas no Congresso Nacional da Psicologia (CNP), instância máxima que discute e delibera políticas prioritárias para o triênio subsequente, ou seja, para a próxima gestão dos Conselhos Regionais e do Federal.

O CNP foi realizado pela primeira vez em 1994 não como um Congresso, mas como um processo constituinte, como dizia seu título – “Processo Constituinte: Repensando a Psicologia”. Foi durante sua realização que os participantes – cerca de 150 psicólogos, dos diversos Conselhos Regionais no País – decidiram fazer dele o primeiro CNP. Era preciso repensar, na época, a Psicologia a partir da reestruturação dos Conselhos de Psicologia, em uma perspectiva democrática.

Atualmente, o CNP ocorre a cada três anos e é fruto de amplo processo democrático. Por meio das etapas que ocorrem dentro dos Conselhos Regionais e da etapa nacional do Congresso, que ocorre em Brasília,  todos os profissionais da Psicologia podem contribuir para o projeto coletivo e construção da história da profissão.

Os debates têm início com os eventos nos Regionais, com os eventos preparatórios, os Pré-Congressos e os Congressos Regionais. Os representantes – delegadas (os) eleitas (os) são responsáveis por debater e aprovar as diretrizes construídas ao longo do processo e informar nacionalmente as posições debatidas.

Para participar do CNP, a psicóloga ou o psicólogo deve procurar o Conselho Regional de Psicologia de sua região. Toda (o) psicóloga (o) inscrita (o) e adimplente pode ser delegada (o).

O regimento do CNP é aprovado na Assembleia de Políticas, da Administração e das Finanças (APAF).

Os comentários estão desativados.